Naqueles dias em que as temperaturas oscilam, e de manhã e à noite tem frio, mas durante o dia sente calor, a melhor opção é vestir-se por camadas. Ou seja, fazer sobreposições de peças, recorrendo a um pullover por cima de uma camisa ou usando um sobretudo com um blazer ou casaco de malha. Além disso, se trabalha num local com aquecimento central, sabe que nem sempre é fácil encontrar a temperatura ideal para todos os colaboradores. Neste caso, o melhor será usar roupa, que possa facilmente retirar sempre que necessário,

Editora de moda da revista britânica Tank e da publicação online Becauselondon.com, Caroline Issa é uma referência habitual de estilo neste blogue. Filha de mãe chinesa e de pai libanês-iraniano, Caroline viveu em diversos países, como os EUA e Singapura, residindo atualmente em Londres, há mais de uma década. Assumindo-se como uma mulher de negócios apaixonada por moda, a editora assume um estilo criativo e elegante, em que combina diferentes cores e padrões, sendo também fã dos fatos clássicos de três peças (com colete). Podem também acompanhar o seu dia a dia

Esta é uma peça de moda indispensável para o outono-inverno. E tal como as castanhas, as camisolas de malha querem-se “quentinhas e boas”, não é verdade? Eu tenho sempre alguns básicos de malha, que combinam com tudo. Gosto especialmente dos tons lisos e decotes em V, pois alongam o pescoço, usando-os com um lenço ou cachecol, de modo a proteger-me do frio, mas também adicionar alguma cor ou textura, junto ao rosto. Além disso, como prefiro usar partes de baixo (saias e calças) em tons mais escuros, aproveito para escolher

Já lá vai o tempo em que os ténis eram usados apenas ao fim de semana ou para ir ao ginásio. Hoje em dia, o conforto é fundamental e existem peças que facilitam o nosso dia a dia. Os ténis são uma boa aposta para quem prefere calçado confortável, que permita andar livremente e sem terminar o dia com uma tremenda dor de pés. Além disso, existem centenas de modelos disponíveis, de todas as cores e feitos. Difícil é resistir à tentação de comprar tudo o que vê, até por

Caroline de Maigret esteve recentemente em Portugal para promover o livro, do qual é co-autora: “Ser Parisiense, Onde quer que esteja”. Mas afinal quem é esta francesa que personifica o estilo das parisienses e tem mais de 600 mil seguidores no Instagram? Neta e filha de políticos e aristocratas, Caroline desistiu do curso de Literatura na Sorbonne para se dedicar à carreira de modelo, nos anos 90. Produtora musical, modelo, fotógrafa, escritora e mãe de três filhos, aos 42 anos Caroline tem uma vida profissional multifacetada e continua a ser embaixadora

Com as temperaturas mais baixas, o que apetece mesmo é vestir uma malha quente, macia e confortável. Como uma segunda pele, as malhas são aconchegantes e as melhores aliadas para o outono-inverno. Por isso, é natural que este seja um básico de guarda roupa, que tem em vários modelos e cores. Independentemente de gostar de camisolas mais ajustadas ao corpo ou, pelo contrário, mais largas e compridas, o importante é saber jogar com os diferentes volumes e texturas, mas tendo sempre em conta o seu tipo de corpo e altura.

Recentemente, Caroline de Maigret esteve em Lisboa, na Bertrand do Chiado, para uma sessão de autógrafos de “Seja Parisiense, Onde quer que esteja”, obra da qual é co-autora. Não tive oportunidade de ir conhecê-la, mas como já tinha o livro decidi abordar o assunto. Para as mais distraídas, que talvez ainda não tenham reparado, o estilo das parisienses está na ordem do dia. Existem centenas de artigos e vídeos publicados, tanto em blogs, como em publicações de moda e lifestyle. Quase somos levadas a crer que as parisienses encontraram a fórmula mágica.

“O batom é a arma mais poderosa no kit de maquilhagem de uma mulher. Tem o poder de transformar a aparência e o estado de espírito da pessoa que o usa e, em simultâneo, despertar a admiração dos outros” afirmou Monica Bellucci. Aliás, os lábios estão sempre à vista. É através destes que fazemos ações tão simples, como falar, beijar, sorrir, beber e comer. Por isso, convém cuidar dos lábios, pois não há forma de ignorá-los. Há ainda quem tenha uma palette de cores para cada dia da semana, como

Conhecem o ditado popular “a mulher quer-se pequenina como a sardinha”? Na realidade, acho que as portuguesas estão cada vez mais altas, mas ainda estão longe de alcançar o ranking mundial. De acordo com um estudo publicado na revista eLife, que analisou os padrões de crescimento em 187 países, desde 1914, as mulheres portuguesas ocupam o 48º lugar na tabela, com uma média de 1,63m. As mulheres mais altas do mundo são as da Letónia, com uma média de 1,70m. Se faz parte desta maioria feminina, então vai agradecer estas sugestões

Se é daquelas pessoas que compra por impulso, por certo já se arrependeu de muitas situações. Se descobre com frequência que já tem duas camisas iguais; que afinal aquela peça tão gira não combina com nada do que tem no armário; ou que é para uma ocasião tão especial, que o mais provável é que esta fique pendurada à espera de ser usada, então está na hora de avaliar o seu guarda roupa e organizar o seu roupeiro. “O seu armário deve ser o primeiro destino de compras. A partir

1 2 3 18 Page 1 of 18