Blogs do Ano - Nomeado Moda

Como escolher e comprar uma peruca

Quem passa por um cancro de mama e tem de fazer quimioterapia enfrenta um (longo) período de mudanças físicas, psicológicas e emocionais, como é o caso da queda de cabelo.

Por isso, muitas pacientes recorrem à compra de uma peruca para enfrentar este momento angustiante e traumático nas suas vidas, que pode ser a perda de cabelo.

Aliás, a apresentadora de TV Bárbara Guimarães assumiu recentemente na sua página de Instagram o uso de peruca, durante os tratamentos de quimioterapia. O que é uma boa inspiração para todas as mulheres, que passam por esta situação delicada.

A quimioterapia e a perda de cabelo

No caso da quimioterapia, depende do tipo de tratamento, já que nem todos provocam perda de cabelo. Como tal, o melhor será avaliar com o seu médico oncologista se este é o seu caso e para quando está prevista a sua queda. Assim, vai ter tempo de se preparar para esta etapa e procurar soluções com as quais se sinta confortável, antes de iniciar a quimioterapia.

Em algumas situações, 17 dias após a quimioterapia, o cabelo começa a cair de forma intensiva, pelo que é mais higiénico rapar o cabelo. Por isso, o recurso a acessórios, como lenços, turbantes, gorros e perucas, é uma das soluções para lidar com esta fase temporária, que pode demorar vários meses. Já que depende da quantidade de sessões e o cabelo volta a crescer, cerca de 30 a 40 dias após a última quimioterapia, mas leva algum tempo até ficar novamente forte e uniforme.

Como escolher uma peruca
  • As perucas são uma boa solução para a perda de cabelo, já que se forem de boa qualidade têm um aspeto natural. Assim, quando a estiver a usar vai manter uma aparência próxima da que tinha, antes de iniciar os tratamentos. O que vai ajudá-la a recuperar a autoestima e confiança nesta fase tão vulnerável
  • O ideal será optar por uma peruca o mais semelhante possível ao seu tom e textura de cabelo. Comece a pesquisar e a experimentar perucas, antes da queda de cabelo, de forma a comparar o tom, corte e volume do cabelo
  • A maior parte das lojas de perucas tem uma sala privada, na qual pode experimentar vários modelos, com toda a privacidade e conforto. Pode, ainda, recorrer aos serviços de manutenção e coloração após a compra
  • Esclareça, ainda, todas as dúvidas relativas aos seus cuidados e manutenção, já que pode optar por uma peruca de cabelo sintético ou natural
  • Os preços também variam muito, consoante a loja, pelo que deve consultar mais do que um espaço, de forma a comparar a oferta de perucas e o respetivo valor
  • Antes da sua aquisição, solicite ao seu médico para lhe passar uma receita médica ou requisição. Assim, terá a possibilidade de obter, junto das entidades de saúde (ADSE, ADMA, ADME, SAMS, etc.), uma comparticipação monetária, ou colocar esta despesa nos cuidados de saúde para efeitos de IRS
  • Peça ajuda ao seu cabeleireiro, se necessário, já que ele pode aconselhá-la nesta etapa. Além disso, este profissional pode depois cortar e fazer a coloração numa peruca de cabelo natural, de forma a adaptá-la ao seu gosto e tipo de rosto
  • Outro fator importante a ter em conta é que a quimioterapia provoca também a queda de sobrancelhas e de pestanas. Por esse motivo, algumas mulheres preferem cortes com franja, de modo a cobrir e disfarçar a zona das sobrancelhas
Cabelo natural ou sintético: o que devo escolher?

É importante compreender que esta é uma solução temporária, antes do seu cabelo voltar a crescer, e avaliar quais são os cuidados de manutenção, antes de adquirir uma cabeleira.

O preço é, muitas vezes, o fator decisivo, já que as perucas sintéticas são mais acessíveis e fáceis de manter. Uma peruca de cabelo sintético de alta qualidade pode custar 250 euros, enquanto que uma de cabelo natural pode custar entre 700 e 1.500 euros. Além disso, o cabelo sintético pode ser lavado em casa.

Já as perucas naturais, apesar de poderem ser lavadas em casa, aconselha-se a sua manutenção (lavagem e secagem) no cabeleireiro. Estas são também mais versáteis, ao nível de coloração, de tratamentos químicos e de styling, pois como o cabelo é humano pode usar secador, babyliss e placa alisadora. No entanto, estes modeladores térmicos não devem ser usados nas fibras sintéticas, já que o calor danifica e queima os fios, não voltando ao seu estado original.

Quanto ao aspeto, as perucas sintéticas de alta qualidade podem parecer reais, apesar de não apresentarem o mesmo movimento, pelo que são uma excelente opção para quem não pretende realizar um grande investimento financeiro. Estas perucas podem ter uma duração até dois anos, caso sejam respeitados os cuidados de manutenção.

Inspire-se nos vários estilos de perucas

Que cuidados devo ter com a peruca?

A maioria das perucas tem elásticos ajustáveis no seu interior, o que permite adaptar a cabeleira ao tamanho da sua cabeça, de forma a manter-se no lugar.

Pode, ainda, adquirir uma touca para colocar debaixo da peruca, que protege o couro cabeludo, nomeadamente do frio no inverno, e evita que esta escorregue.

Guarde a peruca ao ar livre, pendurando-a num suporte próprio, para manter a sua forma, mas longe do pó, humidade e calor. E escove-a diariamente para desembaraçar o cabelo.

As perucas mais curtas são mais duradouras e fáceis de manter, já que o uso frequente de golas, casacos e acessórios podem embaraçar e danificar os seus fios. Ou seja, quanto mais longa for, menor é a sua durabilidade. Além de serem mais fáceis de lavar e de secar em casa.

O ideal será lavar a peruca a cada duas semanas, dependendo do seu corte e estilo, para uso diário.

Como posso lavar a peruca?
  • Antes da lavagem, desembarace os cabelos com cuidado
  • No caso das perucas sintéticas, lave-as numa bacia com água morna ou fria (nunca quente)
  • Use um champô e amaciador neutro ou específico para perucas
  • Passe depois abundantemente por água para remover os resíduos de produto, da raiz até às extremidades
  • Esprema suavemente a peruca para tirar o excesso de água, mas sem torcer
  • Envolva-a com uma toalha para retirar o excesso de água
  • Não use secador de cabelo ou outras fontes de calor em cabelo sintético
  • Coloque a peruca no suporte e deixe-a secar naturalmente ao ar livre
  • Escove-a com cuidado para não danificar os fios, antes desta secar

Onde posso comprar e receber aconselhamento sobre perucas (Lisboa)?
Espero que a informação tenha sido útil e estejam à vontade para partilhar outros contactos, experiências e sugestões!
Rita Carvalho

Comentários sobre o post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.