Como ter uma boa foto de perfil nas redes sociais

Hoje em dia, já não necessita de ter uma câmara fotográfica profissional para ter uma boa imagem no seu perfil de redes sociais.

Quer tenha um website, blog, página de Facebook, Instagram ou LinkedIn, é importante ter uma foto de qualidade e que transmita uma imagem positiva.

A nova geração de smartphones, com câmaras fotográficas de alta qualidade, permitem não só tirar imagens em alta resolução, bem como a edição e aplicação de filtros, que proporcionam um resultado bastante bom.

Claro que poder contar com a ajuda de um profissional é sempre o ideal, mas se o seu orçamento não lhe permitir recorrer a estes serviços pode sempre pedir a uma amiga ou colega para a fotografar. Mas primeiro, veja como deve preparar a sessão para ser bem sucedida.

6 dicas para tirar uma boa foto de perfil

1 – Escolha o local
Prepare todos os detalhes, antes da sessão fotográfica. A escolha do local é importante e deve ter em conta aspetos como a iluminação, o enquadramento e o fundo. Ou seja, certifique-se de que tem uma boa iluminação, de preferência natural, de forma a não criar sombras no rosto ou corpo; de quais são os elementos que pretende captar na imagem (cores, decoração, logotipo, paisagem, etc.); e prefira fundos mais neutros, de forma a não desviar a atenção de si.

Fotografia da apresentadora Fátima Lopes, que mostra como uma boa iluminação no rosto é importante

2 – Defina a sua marca pessoal
Identifique qual é a imagem que deseja transmitir. Selecione a roupa, os acessórios, o penteado e a maquilhagem a usar para a sessão. Planeie todos os aspetos ao pormenor, de forma a ter tudo preparado para este dia. Experimente duas a três mudas de roupa, se pretender ter visuais diferentes e mais opções de escolha. Escolha a roupa que mais valoriza o seu tipo de corpo, tendo sempre em conta a sua atividade profissional e objetivos. Pense em si como uma marca pessoal e de que forma gostaria de ser percepcionado pelos outros. No meu livro “Imagem Profissional, Guia de Estilo” pode encontrar algumas propostas de visuais.

Gosta de um look mais descontraído e cores claras ou trabalha num ambiente formal e prefere uma linha mais clássica e cores escuras? Identifique o estilo que melhor a representa

3 – Pratique as poses ao espelho
Antes da sessão, experimente praticar diferentes poses ao espelho, de modo a ter uma ideia dos ângulos mais favorecedores e do que pode fazer com as mãos, já que esta é umas das dúvidas mais comuns. Uma boa fonte de inspiração pode ser pesquisar em revistas ou na internet fotos semelhantes, ou até mesmo, das personalidades que mais admira. Analise a sua postura e os diversos elementos. Vista a roupa e verifique como esta assenta no corpo, nomeadamente quando se senta ou cruza os braços. Por exemplo, pode recorrer ao truque de sentar-se em cima da parte de trás do blazer, de modo a evitar que os ombros fiquem muito subidos e a roupa fique mais esticada. Prefira peças mais ajustadas ao corpo e que não fiquem com muitos vincos (por exemplo, tecidos com elastano). Não se esqueça, ainda, do que a linguagem corporal pode transmitir a seu respeito. E sorria!

Fotografias com a modelo Gigi Hadid e a Rainha da Jordânia com sugestões de poses para as mãos

4 – Torne a fotografia mais interessante
Escolher um ambiente apelativo, com uma bela vista ou decoração; ficar sentado numa cadeira ou sofá de design; ou ter um objeto por perto, relacionado com a sua profissão (computador, telemóvel, máquina fotográfica, obra de arte, etc.) pode ser uma boa opção para tornar a foto mais interessante, em vez de ficar encostada a uma parede branca. Tire partido dos seus talentos, promovendo-os. Outra alternativa, é escolher elementos que estejam relacionados consigo, como um hobby e o seu local favorito, ou que revelem um aspeto da sua personalidade (artística, criativa ou gostos pessoais).

Fotos com Tara Foley, Presidente da Follain, e Nina Garcia, editora de moda. O meio envolvente torna as fotografias visualmente mais interessantes e naturais

5 – Analise para corrigir
Uma das vantagens do telemóvel ou da câmara digital é que pode ver as imagens no momento. Durante a sessão, verifique o que está bem ou menos bem, de forma a corrigir na hora. Pode ser a forma como posiciona o rosto ou a iluminação mais favorecedora, bem como a roupa assenta em determinadas posições ou o tipo de pose escolhida. Mas também é importante passar um briefing a quem a vai fotografar, de forma a definir o que pretende desta sessão. Mostrar algumas fotos como referência também ajuda a outra pessoa a visualizar melhor o que deseja. E tire dezenas (ou centenas) de fotos, de forma a ter mais opções de escolha.

6 – Edite as imagens
Atualmente, as opções de edição e os filtros permitem corrigir a cor, luz, destaque e enquadramento das fotos, entre outras funcionalidades. Algumas câmaras de telemóvel permitem, ainda, reduzir as olheiras e regular o tom de pele. Além disso, pode sempre recorrer a apps de edição de fotos, como o Instagram, VSCO Cam ou Snapseed. Tire partido das novas tecnologias, utilizando-as a seu favor. A boa notícia é que pode retocar praticamente todos os detalhes, mesmo que não seja uma profissional de fotografia.

 Acharam as dicas úteis?

Acompanhem-me também na página de Facebook Instagram

Rita Carvalho

Comentários sobre o post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.