Blogs do Ano - Nomeado Moda

Os básicos do estilo profissional

  • basicos-2
  • basicos
  • basicos-4
  • basicos-3
  • basicos-6

Sabe quais são as peças-chave de vestuário em que deve investir? Um bom guarda-roupa profissional não significa ter uma grande quantidade de peças no armário, mas sim ter a roupa certa para cada ocasião, tendo em conta a sua idade, o estilo de vida, o tipo de corpo e a profissão.

Apresento um conjunto de básicos de vestuário, com os quais pode depois complementar e desenvolver a sua indumentária profissional. Não se esqueça que a qualidade dos cortes e dos materiais, o tamanho e o comprimento das peças, bem como o seu aspecto é essencial.

Para a base do seu guarda-roupa aposte em peças que sejam versáteis, ou seja, que se adaptem a vários contextos e estações do ano; tenham cortes clássicos, de modo a não passarem de moda; e em tons neutros, por forma a possibilitarem o maior número de conjugações.

Calças Pretas e Camisa Branca

As calças pretas são uma peça clássica e versátil, pois tanto as pode usar numa entrevista de trabalho, como numa reunião ou num evento mais formal. Os modelos com corte a direito favorecem a maior parte das mulheres. Para alongar as pernas use uns sapatos do mesmo tom das calças. Não se esqueça que os modelos mais justos evidenciam as ancas, pelo que se tiver excesso de peso prefira modelos mais largos em baixo, que não acentuam tanto esta zona. Pelo contrário, se for mais baixa, as calças largas podem dar a sensação de ser mais pequena.

Outra peça fundamental no seu guarda-roupa é a camisa branca de algodão (ou em outro tecido) pode ser usada praticamente com tudo. Tanto em ambientes informais, como em looks mais chiques, pode conjugar a camisa com um fato; um blazer e uns jeans; umas calças ou saia clássica, de tecido ou de pele. O corte slim fit, mais ajustado ao corpo, é bastante elegante e confortável. Aliás, as camisas com mistura de fibras elásticas não amarrotam tanto e adaptam-se aos movimentos.

Caso pretenda ter mais do que uma camisa branca, aposte em modelos mais estilizados (corte cintado ou a direito), em outros materiais além do algodão (seda, tricoline, cambraia, com elastano, chiffon, entre outros) e com diferentes detalhes (gola, plissado, bordados, bolsos, renda e riscas).

basicos 2

Blazer e/ou Fato

Se trabalhar num ambiente formal, o mais provável é necessitar de usar fato. Contudo, pode assumir a sua feminilidade através de um corte estruturado e cintado. Uma das vantagens é comprar o blazer e a saia ou calças em separado, já que a maior parte das mulheres têm medidas diferentes na parte superior e inferior do corpo. Se quiser modernizar o seu visual pode também usar peças de tons diferentes.

O fato preto é o mais versátil no caso das mulheres, pois adapta-se aos vários contextos profissionais, podendo usá-lo como um conjunto completo ou em peças separadas. Neste caso, invista num bom corte e tecido, afastando-se de materiais como o poliéster, que tem um aspecto mais barato. Os tecidos em algodão com misturas de fibras elásticas ajustam-se melhor ao corpo e amarrotam menos, pelo que são uma boa solução, bem como os de lã fria.

Tal como as calças clássicas, o blazer preto tanto pode ser usado numa reunião ou almoço de negócios, como num jantar ou cocktail no final do dia. Prefira o corte clássico cintado, de um ou dois botões. Super-elegante, esta terceira peça de vestuário é bastante versátil. Invista, por isso, num modelo de boa qualidade. As mulheres com mais curvas e baixas devem usar um blazer com um comprimento a meio da anca, enquanto que as mais altas podem optar por modelos mais compridos.

Se trabalhar num ambiente formal, prefira blazers de cores neutras (cinzento, preto, azul-marinho e bege), assim como com padrões discretos (por exemplo, risca-de-giz e espinha de peixe). Pode, ainda, colocar um cinto no blazer para marcar a cintura, de forma a ficar mais elegante.

basicos

Vestido Preto

Conhecido como o Little Black Dress (LBD), o vestido preto é o clássico dos clássicos. O modelo deve ser escolhido em função do seu corpo, mas prefira os modelos a direito, mais estruturados e um pouco acima do joelho, que realçam a sua silhueta, sem expor demasiado o corpo. A grande vantagem é que tanto pode usar este vestido durante o dia, com um casaco ou cardigã, como no final do dia, num cocktail ou jantar. Usado com um casaco a ¾ aberto vai criar uma linha vertical, que alonga a silhueta.

Neste caso, pode usar e abusar dos acessórios, já que pode passar de um visual mais clássico para um look mais sofisticado. Um colar chamativo, um cinto de pele ou com aplicações e uns sapatos de salto alto ajudam a personalizar o seu estilo.

basicos 4

Saia lápis

De tecido, tweed ou em pele, a saia lápis (ajustada ao corpo) é um básico ultra feminino. Muito elegante, a saia deve situar-se pelo joelho (ou abaixo), no caso de ter umas pernas mais altas, ou um pouco acima deste (cerca de três dedos) para as mulheres mais baixas. Invista num modelo preto e numa cor neutra (por exemplo, cinzento ou vinho), para uma maior versatilidade, em tecidos mais estruturados.

Para quem tem um corpo em coluna (sem curvas), o ideal será usar uma saia em evasé (A), lisa ou plissada, que ajuda a dar mais formas ao corpo. Este modelo também favorece quem tem as ancas mais largas do que os ombros (corpo pêra), já que equilibra a silhueta. Se tiver excesso de peso ou as ancas muito largas evite os plissados.

basicos 3

Sobretudo

Um bom casaco de inverno é fundamental para o clima mais frio. Opte por um corte clássico e num tom neutro – preto, azul-marinho, cinzento, vinho ou camel – pois permitem maiores possibilidades de conjugações. Em lã, caxemira ou outro material quente, o comprimento ideal varia consoante a sua estatura. Se for mais baixa prefira os modelos a ¾ e nunca abaixo do joelho. Um cinto pode ajudar a fazê-la mais magra.

basicos 6

Rita Carvalho

Comentários sobre o post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.